• (38) 3532-1200 Ramal 8145
  • secretaria.ppged@ufvjm.edu.br

Arquivo por autor

Qualificação 63

TÍTULO: “Matemática e Desenvolvimento de Sistemas: O processo de ensino-aprendizagem interdisciplinar em pauta no curso técnico em informática integrado ao ensino médio do IFNMG Campus Arinos.”

RESUMO: A matemática é uma ciência que possibilita o desenvolvimento do raciocínio lógico. Alguns métodos computacionais e, neste caso, específico a programação em JAVA, podem revelar-se um bom recurso no processo de ensino e de aprendizagem, pois os alunos, além de obedecerem a regras, aprendem a acessar novas possibilidades de desenvolvimento matemático, estimulando o processo intelectual, desse modo, esta pesquisa procurou refletir sobre os possíveis impactos causados no processo ensino-aprendizagem, por meio da utilização da Programação em Java interligada ao ensino de Matemática nos domínios do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Norte de Minas Gerais (IFNMG) Campus Arinos, mais especificamente no curso técnico em Informática integrado ao Ensino Médio. A pesquisa buscou analisar de que forma a interação entre a disciplina de Desenvolvimento de sistemas e a disciplina de Matemática pode ser útil para o aprendizado significativo de Matemática no ensino médio, e se essa interação pode auxiliar na formação profissional do aluno do curso Técnico em Informática. Foram utilizadas teorias que discutem a Interdisciplinaridade e a utilização de Tecnologias para o Ensino de Matemática, baseadas nos autores D´AMBRÓSIO, FAZENDA, FIORENTTINE, FRIGOTTO, entre outros; Com a finalidade de refletir e teorizar a partir dos objetivos e problema da referida pesquisa. Para tanto, a pesquisa teve um caráter qualitativo, norteada por entrevistas com os alunos do IFNMG, Campus Arinos, matriculados no Curso Técnico em Informática Integrado ao Ensino Médio, e professores, que atuam na regência das referidas disciplinas no curso supracitado. Por meio das entrevistas coletadas com os docentes e através dos questionários respondidos pelos discentes após participarem de um curso interdisciplinar ministrado pelo pesquisador foi possível concluir que existe uma estreita relação entre as disciplinas abordadas nessa pesquisa e que o trabalho interdisciplinar precisa ser aprimorado e levado em consideração por parte de todos os sujeitos envolvidos no processo ensino-aprendizagem.

PALAVRAS-CHAVE: Interdisciplinaridade. Matemática. Tecnologias.

NOME DO MESTRANDO: Maycon Luiz Amaral Magalhães

NOME DO ORIENTADOR: Prof. Dr. Antônio de Pádua Magalhães

BANCA: PRESIDENTE: Prof. Dr. Antônio de Pádua Magalhães

MEMBRO TITULAR: Prof. Dr. Amédis Germano dos Santos

MEMBRO TITULAR: Prof. Dra. Lorena Sophia Campos de Oliveira

MEMBRO SUPLENTE : Prof. Dra. Raquel de Souza Pompermayer

DATA: 30/08/19

HORÁRIO: 11:00

LOCAL: Auditório do Núcleo Integrado de Pesquisa do Campus Mucuri

Cláudio Vieira

Qualificação 62

Título: Uso de Técnicas de Classificação de Texto e Consciência Situacional para Análise de Fóruns em Ambientes Virtuais de Aprendizagem como Suporte a Tomada de Decisão

A educação em todos os âmbitos enfrenta um grave problema que é a evasão escolar. De acordo com dados da Associação Brasileira de Educação à Distância (ABED), no Brasil o número de estudantes nesta modalidade vem crescendo a cada ano. Mesmo com o sucesso dessa modalidade de ensino a evasão vem se mostrando como sendo um grande problema que deve ser combatido. Por ser um fator preocupante para professores, tutores e gestores, instituições de ensino tentam descobrir os motivos da evasão, visto que afeta tanto os estudantes, que não conseguem alcançar o fim dos estudos, como a instituição cujo objetivo é prover formação a estes estudantes. Uma área que vem se destacando no ambiente educacional é a Análise de Sentimento. A Análise de Sentimento, quando presente no ambiente educacional, estuda e analisa os sentimentos dos estudantes com objetivo de interpretá-los, podendo ser usada para mensurar a motivação dos estudantes, a partir de interações em fóruns educacionais. A criação de ambientes que envolvam, além da automação do processo de aprendizagem, a interpretação e compreensão do sentimento do estudante, podem auxiliar professores, tutores e gestores no processo de tomada de decisão para ações efetivas na prevenção da evasão. A compreensão da situação como precursora do processo de tomada de decisão é o conceito denominado Consciência Situacional. Este conceito é utilizado em ambientes e situações que requerem correta compreensão, referindo-se à habilidade de um operador
ou equipe obterem percepção, compreensão e antecipação de um estado futuro da situação corrente. Desta forma, Consciência Situacional possui potencial para ser aplicada em Ambientes Virtuais de Aprendizagem. A utilização de métodos e técnicas da Consciência Situacional aliada às técnicas computacionais da Análise de Sentimento em ambiente educacional são promitentes como caminhos para a solução da evasão observando o dinamismo de informações e situações geradas com as interações e participações dos estudantes. Neste contexto, este trabalho propõe um modelo de Consciência Situacional utilizando técnicas da Análise de Sentimento como auxílio na Tomada de Decisão em Ambientes Virtuais de Aprendizagem, como forma de mitigar a evasão. Para a validação do modelo proposto foram utilizados algoritmos de Aprendizado de Máquina Supervisionado em uma base de dados sobre estudantes motivados ou não, a partir de postagens em fóruns educacionais. O modelo proposto é genérico e pode utilizar diferentes informações presentes no Ambiente de Ensino. Resultados dos experimentos indicam a viabilidade da utilização de tais técnicas como forma de suporte ao entendimento da situação em curso nos Ambientes Virtuais de Aprendizagem e apoio às decisões dos tutores e gestores.

Discente: Dirlene Aparecida Almeida e Silva

Banca de Qualificação:
Titulares:
Profa. Dra. Luciana Pereira de Assis – Orientadora
Profa. Dra. Claudia Beatriz Berti (UFVJM) – Coorientadora
Prof. Dr. Cristiano Grijó Pitangui (UFSJ)
Prof. Dr. Cristiano Maciel da Silva (UFSJ)
Suplente:
Profa. Dra. Cinthya Rocha Tameirão (UFVJM)
Data: 30/08/2019
Horário: 13h
Local: Sala de Auditório do SI – Campus JK, UFVJM.

Cláudio Vieira

Qualificação 61

Título: Learning Analytics aplicado ao curso online da Língua Brasileira de Sinais da Universidade Federal de Minas Gerais

O objetivo dessa dissertação é apresentar as técnicas de Learning Analytics aplicadas ao curso online da Língua Brasileira de Sinais da Universidade Federal de Minas Gerais uma vez que ele possui alta reprovação nos cursos em que é obrigatório e o volume de dados para análise é muito alto. Para esses estudos, são considerados a frequência de acesso dos alunos aos objetos de aprendizagem e as suas notas disponíveis no Ambiente Virtual de Aprendizagem. Com esses dados, são gerados gráficos com software estatístico e mineradas regras de classificação que auxiliaram na seleção dos objetos de aprendizagem mais importantes para se aprender LIBRAS no formato online.

Banca de Qualificação:
Titulares:
Prof. Dr. Cristiano Grijó Pitangui (UFVJM) – Orientador
Profa. Dra. Luciana Assis Pereira (UFVJM)
Prof. Dr. Cristiano Maciel (UFMT)

Suplente:
Prof. Dr. Alessandro Vivas Andrade (UFVJM)

Data: 23/Agosto/2019
Horári/o: 14h
Local: Sala de Auditório do SI – Campus JK, UFVJM – Uso SKYPE

Cláudio Vieira

Qualificação 60

Título: Identidades e memórias da escola e do município de Jequitibá/MG no documento Nossa Cidade

Esta pesquisa se propõe a compreender como o documento Nossa Cidade, a partir do sistema educacional de ensino municipal de Jequitibá/MG, é utilizado na construção e na difusão de uma identidade cultural local que se pretende preservar. A partir da analise documental nos propomos a explicar a estrutura narrativa e conceitual deste documento, descrevendo sua utilização pela rede de ensino municipal da cidade de Jequitibá/MG, assim como avaliar a construção de uma identidade cultural coletiva que o poder público municipal quer preservar. Acreditamos que é a partir da instrumentalização da relação entre narrativa oral e memória coletiva que a política educacional municipal jequitibaense solidifica a identidade cultural que quer preservar. Sabemos que todo homem é fruto de seu tempo, mas também é um ser singular que atua, interage e transforma a realidade que vive e como educadores é imprescindível refletir o modo como este sujeito histórico se compreende, tornando fundamental pensar nas políticas educacionais que são estabelecidas no cotidiano escolar.

Nome do Mestrando: Virgínia Lages Silva – virginvich@gmail.com

Nome do Orientador: Rosana Baptista dos Santos – rosanabaptistasantos@gmail.com

Membro Interno: Noemi Campos Freitas Vieira (UFVJM) – noemicfv@gmail.com

Membro externo: Nadia Maria Jorge Silva (UFVJM) – nadia.jorge@ufvjm.edu.br

Membro suplente: Tereza Pereira do Carmo (UFBA) – tepecar@yahoo.com.br

Data: 22/08/2019

Hora: 14 h

Local: LIFE

Cláudio Vieira

Qualificação 59

TÍTULO: “Um estudo sobre a história, tecnologia e qualidade de ensino na Escola Estadual José Augusto Ferreira, em Caratinga/MG, de (1960 a 1980)”

RESUMO: As décadas de 60 e 70 do século XX representaram um período de mudanças tanto na estrutura da educação brasileira e nas representações sobre a escola quanto nas culturas escolares. Todo esse movimento de transformações representou uma área de pesquisa sobre o estudo da escola secundária. A realidade social aqui colocada em evidência é a da Escola Estadual José Augusto Ferreira. O objetivo desta pesquisa foi compreender de que maneira a qualidade da educação oferecida pela E. E. J. F. nas décadas de 60 e 70 foi determinante para o sucesso dos alunos, apontando tal processo educacional como um diferencial na formação da clientela atendida. Os objetivos específicos buscaram abordar as transformações educacionais nas décadas de 60 e 70; contextualizar a trajetória da E.E.J.A.F. identificando as suas estratégias de ação em busca da qualidade do ensino e identificar a contribuição da E.E.J.A.F. para a transformação sociocultural da cidade de Caratinga MG. A pesquisa desenvolvida classifica-se em descritiva com abordagem qualitativa, pesquisa bibliográfica e levantamento de dados por meio de entrevistas estruturadas de relatos de experiência de sujeitos participantes do processo educacional na E.E.J.A.F.

PALAVRAS-CHAVE: História. Educação. Qualidade.

NOME DA MESTRANDA: Gisely Xavier da Silva
NOME DO ORIENTADOR: Prof. Dr. Amédis Germano dos Santos
BANCA: PRESIDENTE: Prof. Dr. Amédis Germano dos Santos
MEMBRO TITULAR: Prof. Dr. Dr. Antônio de Pádua Magalhães
MEMBRO TITULAR: MSc. Simão Pereira da Silva
MEMBRO SUPLENTE : MSc. Gustavo Carvalhal Santos

DATA: 29/08/19
HORÁRIO: 17:00
LOCAL: Auditório do Núcleo Integrado de Pesquisa do Campus Mucuri

Cláudio Vieira

Qualificação 58

Título: Uma sequência expandida com as lendas diamantinenses

Resumo:Propõe-se, nesta pesquisa, um estudo sobre as lendas de Diamantina/MG, a ser desenvolvido a partir de um dos gêneros da literatura oral: as lendas. O objetivo geral é trabalhar o conceito de letramento literário, bem como as lendas diamantinenses, a fim de se compreender como é possível, através de uma sequência expandida de Rildo Cosson, “letrar” por meio da literatura oral. Esta pesquisa caracteriza-se como bibliográfica, com abordagem qualitativa, e terá como embasamento teórico os livros Letramento Literário; teoria e prática, de Rildo Cosson, Literatura Oral no Brasil, de Luís da Câmara Cascudo, No Reino da Lenda, de Bertrand Bergeron, O direito à literatura, de Antônio Candido, dentre outros. Tal estudo justifica-se porque o ensino de literatura pode formar e humanizar os sujeitos, além de estimular o senso crítico e reflexivo nos alunos. Espera-se que esse trabalho possa contribuir para uma discussão sobre o ensino de literatura nos anos finais do Ensino Fundamental.

Palavras-chave: Letramento Literário. Literatura. Lendas diamantinenses.

Nome da Mestranda: Daniela Luciana Braga Santiago Teixeira – daniela.teixeira@ufvjm.edu.br
Orientador: Rosana Baptista dos Santos – rosanabaptistasantos@gmail.com
Membro interno: Noemi Campos Freitas Vieira (PPGED- UFVJM)- noemicfv@gmail.com
Membro externo ao PPGED: Carlos Henrique Silva de Castro ( UFVJM) – ccastrobr@gmail.com
Membro Suplente: Tereza Pereira do Carmo (UFBA) – tepecar@yahoo.com.br

Data- 15/08/2019
Local: LIFE
Hora: 14 h

Cláudio Vieira

Qualificação 57

TÍTULO: Caracterização da evasão escolar na Universidade Federal dos Vales do Jequitinhonha e Mucuri – campus do mucuri, entre os anos de 2014 e 2018.

RESUMO: A evasão escolar é um fenômeno que se caracteriza pela desistência dos discentes em cursarem o Ensino Superior, assim mesmo que sua saída tenha sido para ingressar em outro curso sua matrícula constará dos relatórios de evasão e passará a integrar esses dados. Por isso, este trabalho teve por objetivo analisar a taxa de evasão nos cursos de Administração, Ciência e Tecnologia (BC&T) e Medicina da Universidade Federal dos Vales do Jequitinhonha e Mucuri (UFVJM) – Campus Mucuri, no período de 2014 a 2018. Este trabalho pode ser considerado como uma pesquisa quantitativa qualitativa e descritiva, tendo em vista que se propõe investigar as causas do fenômeno da evasão dos alunos do Ensino Superior da UFVJM – Campus do Mucuri e utilizou do recurso de aplicação de questionário através de contato telefônico e pessoal com alunos que já evadiram. Na análise dos dados observou-se que a taxa de evasão do BC&T é de 49% (quarenta e nove por cento) sendo a maior parte dos evadidos originários de escolas públicas e residentes na cidade de Teófilo Otoni, no curso de Administração teve um percentual 38% (trinta e oito por cento) também sendo a maior parte com vida acadêmica pregressa em escolas públicas e residentes em Teófilo Otoni, já em Medicina catalogou-se apenas 12% (doze por cento) e desse percentual a maioria cursou o ensino médio em escolas privadas e não residiam em Teófilo Otoni no momento de ingresso no curso evadido. Com os relatos das entrevistas também foi possível visualizar vários pontos comuns de dificuldades dos alunos, como adequação a grade curricular e ao sistema de avaliação da instituição de ensino superior federal, além da dificuldade de interação com os professores e a necessidade de nivelamento prévio para conseguir acompanhar os estudos das matérias da graduação, tendo em vista o baixo nível da formação média.

NOME DA MESTRANDA: Geovana Silveira Soares Leonarde
NOME DO ORIENTADOR: Prof. Ms. Luiz Henrique Aparecido Silvestre

BANCA:
PRESIDENTE: Prof. Ms. Luiz Henrique Aparecido Silvestre
MEMBRO INTERNO: Prof. Dr. Amédis Germanos dos Santos
MEMBRO EXTERNO: Prof. Ms. Isabel Corrêa Pacheco
DATA: 29/08/2019
HORÁRIO: 14 HORAS
LOCAL: AUDITÓRIO DO ICET – campus mucuri

Cláudio Vieira

Qualificação 56

Título do Trabalho: CURRÍCULO ESCOLAR: identidades culturais e Educação

Esta dissertação é fruto de uma pesquisa vinculada à Linha IV – Currículo, avaliação, práticas pedagógicas e formação de professores do Programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade Federal dos Vales do Jequitinhonha e Mucuri. Alicerçada em estudos como de Candau (2007), Candau e Moreira (2003, 2008), Gomes (1999), Macedo (2008), Santomé (1995), Silva (2006), essa investigação parte do princípio de que o currículo pode ser um instrumento de criação, valorização e preservação de identidades culturais. Dessa forma, o objetivo central desta pesquisa foi investigar se e como os currículos da Escola Municipal José Gomes Sales contribuem na (re) produção das identidades culturais da Comunidade Quilombola do Ausente, município de Serro-MG. O desenvolvimento deste estudo, predominantemente qualitativo, mas, também quantitativo, foi realizado em quatro etapas. A primeira consistiu em uma pesquisa bibliográfica para composição do aporte teórico sobre os temas currículo, identidade, cultura e Educação Escolar Quilombola e estudo do arcabouço normativo que regulamenta a proposição dos currículos escolares, destacando-se a Resolução nº 08 de 20 de novembro de 2012 que definiu as Diretrizes Curriculares para a Educação Escolar Quilombola. A segunda etapa consistiu em uma pesquisa documental cujo objetivo foi investigar se os currículos vigentes na Escola Municipal José Sales Gomes fazem interface com as tradições, as culturas, as memórias, os saberes da Comunidade dos Ausentes. Para isso, foram analisados o projeto político pedagógico, planos e planejamentos curriculares e livros didáticos vigentes na escola pesquisada. Na terceira etapa foram realizadas entrevistas semiestruturadas com alunos, professores e membros da comunidade para apontar se os currículos dessa escola têm sido instrumentos que possibilitam aos protagonistas desse lugar conhecerem suas tradições e suas identidades culturais. Para essa etapa foi escolhido como método de pesquisa a história oral temática, uma ferramenta metodológica que possibilita a produção de conhecimento a partir da subjetividade e da sutileza envolvida na produção narrativa. Na última etapa foram desenvolvidos os procedimentos de transcrição, textualização, transcrição e análise do material coletado em conformidade com os propósitos dessa pesquisa e sua fundamentação teórica. A partir dos resultados desse trabalho, concluímos que os currículos vigentes na Escola Municipal José Sales Gomes ainda silenciam as identidades culturais desses povos quilombolas nas suas práticas de ensino. Ressalta-se a importância dessa pesquisa para avaliar o processo de implementação de políticas públicas de educação para os povos quilombolas em uma região historicamente construída pela mão de obra negra escravizada, que formou nesse território uma das maiores diásporas africana em solo brasileiro. Deste modo, é de extrema importância dar visibilidade a essas comunidades remanescentes de quilombo, assegurando-as o direito de conhecer e vivenciar suas histórias e tradições, principalmente no ambiente escolar.

Palavras-chave: Currículo. Identidade. Cultura. Educação Escolar Quilombola. Comunidade Quilombola do Ausente.

Nome do mestrando: Narlisson de Jesus Martins
Nome da Orientadora: Regina Célia do Couto
Membros da Banca:
Prof.ª Dr.ª Regina Célia do Couto – Presidente
Prof. Dr. Leonardo Santos Neves – UFVJM
Prof.ª Dr.ª Dayse Lúcide Silva Santos – IFNMG
Prof.ª Dr.ª Maria Adélia da Costa – CEFET-MG (SUPLENTE)

Cláudio Vieira

Qualificação 55

TÍTULO: Políticas Públicas Educacionais para o território de atuação da UFVJM: o acesso ao ensino superior.

A presente pesquisa tem como objetivo relacionar o território de atuação da UFVJM, previsto no PDI 2012-2016, com as informações identificadas nas matrículas dos discentes do curso de BHU nesta mesma época, tendo em vista a compreensão da política de acesso ao ensino superior adotada na instituição. Esta análise foi realizada a partir de documentos disponibilizados pela Pró-Reitoria de Graduação, responsável pela matrícula dos discentes de graduação da UFVJM. A escolha do tema torna-se pertinente dada à relevância acadêmica, mas em especial, a social, pois tende a discutir a real democratização do acesso ao Ensino Superior na UFVJM, levando-se em conta que a educação é vista como uma das melhores formas para se desenvolver uma região e a consciência de seu povo. Desta forma, o presente estudo encontra-se amparado em uma abordagem qualitativa e utilizar-se-á como pressuposto metodológico, a pesquisa documental e a análise de conteúdos.

NOME DA MESTRANDA: CAROLINA SANTOS ALMEIDA

NOME DO ORIENTADOR: PROFª. Drª. MARA LÚCIA RAMALHO
BANCA: MEMBRO INTERNO: PROFº. DR. LEONARDO DOS SANTOS NEVES
MEMBRO INTERNO: PROFª. M.SC. KYRLEYS PEREIRA VASCONCELOS
MEMBRO EXTERNO: PROFª. Drª. DAYSE LÚCIDE SILVA SANTOS

DATA: 14/08/2019
HORÁRIO: 9:00
LOCAL: Sala 34 do Auditório do Prédio de Sistemas de Informação

Cláudio Vieira

Artigo 001-2019

Título: RedBlue: um cluster para simulações computacionais
Autores: Marcelo B. Pedras, Euler G. Horta, Alexandre R. Fonseca

Link: https://revistas.unifacs.br/index.php/rsc
Resumo. Simulações computacionais são muito utilizadas na pesquisa científica. Porém, podem requerer muitos recursos computacionais. Isso pode ser resolvido distribuindo a aplicação entre vários computadores. Dessa forma, este trabalho apresenta a plataforma RedBlue que possibilita que usuários com menos conhecimentos em programação distribuída possam adotar essa estratégia em laboratórios de informática. A plataforma utiliza computadores comuns como clusters. Para demonstrar a viabilidade da plataforma, foram realizados testes com 60 máquinas, sendo possível reduzir o tempo de execução em 98% para uma rede neural e 99,3% para um algoritmo genético simples.

Cláudio Vieira